Formando uma nova geração de líderes comunitários

A emoção tomou conta do encerramento do Projeto Jovem Líder Empreendedor Social 2018

Com uma grande mostra de projetos que foram desenvolvidos ao longo de oito meses de curso, foi realizado nesta terça-feira (18), no auditório do Parque Social, o evento de encerramento do Projeto Jovem Líder Empreendedor Social 2018.

O Projeto, desenvolvido pelo Parque Social em parceria com a Prefeitura Municipal do Salvador, através da Secretaria Municipal de Promoção Social, Esporte e Combate à Pobreza (Semps) proporciona a jovens oportunidade de desenvolver seu potencial como líderes do futuro através de capacitação teórico/prática, na qual elaboram projetos de Empreendedorismo Social aplicáveis em suas comunidades.

“ A juventude representa uma fonte de soluções inovadoras e de quebra de paradigmas que são determinantes no direcionamento de uma sociedade consciente, promissora e inclusiva e por isso trabalhar com projetos sociais é sempre um desafio, mas também é extremamente gratificante quando vemos o resultado do que juntos construímos e progredimos”, destacou a coordenadora do Projeto, Joana Araújo.

Foram elaborados 19 projetos sociais, onde os jovens puderam pensar soluções inteligentes e humanas para os variados problemas encontrados em suas próprias comunidades ou entorno. Na ocasião, os líderes de alguns projetos selecionados foram convidados ao palco para falar um pouco sobre a experiência e o que almejam em relação a aplicabilidade do que foi construído.

Durante o evento, os projetos foram apresentados e um balanço coletivo das ações realizado. Karoline Santos, de 19 anos, afirmou: “A minha vida mudou depois que ingressei no Jovem Líder Empreendedor Social, porque adquiri conhecimento e me tornei mais responsável e madura, por conta das diferentes tarefas com as quais tive que lidar durante todo o curso”.

Para a educadora Luísa Vilharquide, que ministrou a disciplina Desenvolvimento Local e Comunitário, o projeto foi encantador. “É realmente um sopro de esperança ver cada um deles com toda essa inventividade e inteligência focados no desenvolvimento das suas comunidades. Desejo que eles continuem trilhando esse caminho e acreditando que são capazes”.

Deixe um Comentário