Casa do Carnaval recebe a visita dos Jovens Monitores de Turismo

A interatividade com a história do Carnaval chamou a atenção dos jovens

“Um dia para ficar marcado na cabeça e no coração”, foi assim que o adolescente Rafael Santos, 17 anos, traduziu a experiência vivida após conhecer o primeiro museu do país dedicado à memória da festa carnavalesca.

A atividade da qual Rafael se refere, trata-se da visita dos integrantes do Projeto Jovem Monitor de Turismo à Casa do Carnaval, realizada na última quarta-feira (24).

Os jovens prestigiaram com olhares bastante curiosos todos os ambientes do museu, onde encontraram uma biblioteca de livros relacionados ao Carnaval, a Salvador, suas artes e tradições. E ainda, 200 bonecos feitos de cerâmica que representam figuras típicas da folia.

As luzes, refletores e fitas coloridas disponíveis no espaço deixaram os integrantes do projeto cada vez mais admirados, pois tiveram contato visual com esculturas, vídeos e áudios de grandes artistas da música baiana.

Mas foi na sala de cinema interativo que os jovens puderam sentir a alegria que contagia o carnaval. Todos devidamente caracterizados com adereços que remetem a festa, dançaram ao som dos ritmos musicais que atraem todos os anos baianos e turistas para a folia.

O projeto Jovem Monitor de Turismo, desenvolvido pelo Parque Social em parceria com a Prefeitura Municipal do Salvador, tem como objetivo promover a inclusão social de jovens, ressignificando seu papel na sociedade, gerando novas oportunidades de inserção no mercado de trabalho a partir da capacitação teórico/prática na área de turismo, qualificando-os como monitores para o atendimento ao turista.

Assessoria de Comunicação – Parque Social, em 25.01.2019
Texto: Carla Costa (Jornalista DRT:03850)
(71) 3202-7167 ou (71) 9 87425377
carla.costa@parquesocial.org.br
www.parquesocial.org.br
Facebook: @parquesocial

Deixe um Comentário