Participantes do Fórum RedEAmérica conhecem ações do Parque Social

Atividades, que incluíram visita a empreendedores sociais, integram evento internacional

O Parque Social, em parceria com o Instituto Camargo Corrêa, recebeu na manhã desta terça-feira (19) a visita de representantes de organizações e fundações do Brasil e de mais sete países que integram a RedEAmérica, organização do setor empresarial dedicada a partilhar experiências de empreendedorismo social e promover comunidades sustentáveis na América Latina e Caribe.

A entidade realiza nesta quinta-feira (21), no Wish Hotel da Bahia, no Campo Grande, a XI Fórum Internacional da RedEAmérica, que vai reunir representantes da Argentina, Peru, México, República Dominicana, Colômbia, Guatemala e Chile, onde a entidade tem sede.

Nesta terça, 40 participantes brasileiros e de outros sete países fizeram uma visita à sede do Parque Social, no Itaigara, e conheceram parte do trabalho desenvolvido na entidade, presidida por Rosário Magalhães.

Na ocasião, a diretora geral do Parque Social, Sandra Paranhos, falou sobre o trabalho da instituição e a gerente de projetos, Lareyne Almeida, apresentou os objetivos e principais resultados do Programa Comunidade Empreende (PCE), que permite, através de diversas etapas, fortalecer a inovação e empreendedorismo social em comunidades de baixa renda.

O encontro contou com depoimentos dos participantes do programa, que destacaram a importância da capacitação para sua vida profissional e pessoal.

Segundo Lareyne, a atividade foi bastante produtiva e deixou os representantes da RedEAmérica bastante admirados com o trabalho. “Na parte da manhã, houve uma atividade no Parque Social que apresentou o PCE, e como foi a experiência e a metodologia do programa. Houve ainda uma apresentação sobre o panorama do empreendedorismo social no Brasil, na Bahia e em Salvador, pra permitir que os participantes da América Latina entendessem esse contexto de atuação”, citou ela.

Após o encontro no Parque Social, todos foram convidados a conhecer alguns empreendimentos que foram desenvolvidos a partir do PCE, localizados nos bairros do Nordeste de Amaralina e Santa Cruz.

“Fizemos visitas a quatro empreendedores sociais que passaram pelo PCE.  Os participantes do fórum conheceram projetos como o 100 Garrafas [que trabalha com reciclagem e conscientização ambiental junto a estudantes]; o sobreMandalas [que atua com artesanato]; a escola infantil Gosto de Aprender e ainda almoçamos no restaurante Cantina FIT, todos comandados por participantes do PCE”, relatou Lareyne.

Sobre o Fórum
O Fórum Internacional da RedEAmérica tem como objetivo estimular a reflexão sobre as oportunidades e desafios que a diversidade representa para que empresas e fundações construam, com outros atores, o desenvolvimento sustentável nos territórios.

Apoiado pela Prefeitura de Salvador, o evento reunirá alguns dos maiores investidores sociais da América Latina para discutir o tema “A Contribuição da diversidade para a promoção de comunidades sustentáveis”.

Deixe um Comentário