Agentes de Empreendedorismo visitam nesta quinta (31) a “Casa do Rio Vermelho Vida e Obra de Jorge Amado e Zélia Gattai”

O espaço conta com 15 ambientes projetados e expõe, de forma dinâmica e interativa, lembranças da vida do casal de escritores

Os dez Agentes de Empreendedorismo e Orientador de campo da Regional Subúrbio II obtiveram o melhor score de metas relacionadas a atendimento, encaminhamento ao microcrédito, ações transversais e de divulgação e, pela segunda vez consecutiva, são os vencedores da bonificação promovida pelo Programa Agente de Empreendedorismo.

Como prêmio, desta vez, eles visitarão a “Casa do Rio Vermelho Vida e Obra de Jorge Amado e Zélia Gattai”.

“Estamos super animados e felizes. Para além disso, é importante ser reconhecido pelo trabalho que desenvolvemos com tanto empenho. Será uma satisfação imensa conhecer um pouco mais sobre um dos maiores gênios da literatura, que é o Jorge Amado. Certamente será um dia inesquecível. ”, destaca o orientador de campo, José Messias.

Durante a visita a Casa do Rio Vermelho, o grupo  irá conhecer o memorial que conta com 15 ambientes projetados. Eles poderão percorrer mil metros quadrados, inclusive o jardim onde estão as cinzas do casal Jorge Amado e Zélia Gattai. Além disso, o acervo possui documentos importantes, como cartas trocadas pelo casal com personalidades nacionais e internacionais.

De acordo com a Coordenadora do Programa, Maiana Brandão, a bonificação realizada pelo programa consiste em uma espécie de “game”, um tabuleiro subdividido em cores que representa uma fase do programa e é acompanhado por cartões mensais. Em cada um, são listadas todas as tarefas específicas que deverão ser realizadas.

“As metas são analisadas a cada dois meses. Em setembro, os agentes conheceram a Casa do Carnaval. Acreditamos que essa também é uma forma de estimular a competição saudável e de forma lúdica entre os Agentes e desta maneira conseguir o alcance das metas”, explicou.

Programa – O Agente de Empreendedorismo, uma tecnologia do Parque Social desenvolvida em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) e a Secretaria de Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel), integra o 7º eixo do programa Salvador 360, chamado Inclusão Econômica, que tem como propósito fomentar o desenvolvimento socioeconômico por meio de estímulo ao empreendedorismo. As ações são desenvolvidas em apoio aos empreendedores e potenciais empreendedores, orientando-os para a aquisição ao crédito e munindo-os com conhecimentos específicos para que possam desempenhar o negócio com mais profissionalismo e autonomia.

A iniciativa tem apoio do Banco do Nordeste, através do Crediamigo, e do Sebrae, que disponibiliza a participação dos empreendedores em palestras e oficinas relacionadas ao tema empreendedorismo. O programa está presente em 43 bairros, 79 escolas, dez Prefeituras-Bairro e no SIMM. Atualmente, possui 90 agentes multiplicadores, estagiários do curso de Administração, e mais nove orientadores de campo que trabalham nas mais diversas localidades de Salvador.

Deixe um Comentário